NOTICIA

CAPES oferece 60 mil bolsas para formação de professores

02/05/2022 10:08

Programas Pibid e Residência Pedagógica selecionarão propostas nas áreas de licenciatura de 250 instituições de ensino superior

A CAPES publicou nesta última sexta-feira, 29 de abril, os editais (aqui e aqui) dos programas Institucional de Iniciação à Docência (Pibid) e Residência Pedagógica, que irão oferecer 61.680 bolsas para formação de professores da educação básica. Nesta fase, serão selecionadas propostas de 250 instituições de ensino superior para cada um dos programas. O prazo para apresentação dos projetos vai até 10 de junho.

Pibid oferece aos alunos da primeira metade do curso uma aproximação prática com o cotidiano da escola. Já o Residência Pedagógica atende estudantes que estão na segunda metade da licenciatura, com atividades que contribuam para a formação teórica e prática e o aperfeiçoamento profissional. Nos dois programas, as atividades dos bolsistas são desenvolvidas na rede pública de educação básica.  

O processo seletivo dos bolsistas é realizado pelas próprias instituições. Ao todo, serão cerca de 30 mil bolsas pelo Pibid e outras 30 mil pelo Residência Pedagógica, beneficiando, aproximadamente, 60 mil alunos de licenciatura. Também há concessão de benefícios  a professores das instituições de ensino superior e das escolas públicas de educação básica participantes dos projetos.

Todas as unidades da Federação serão atendidas pelos Pibid e Residência Pedagógica. A quantidade maior de benefícios irá  para o Nordeste: 19.734. Em seguida vem o Sudeste, com 15.654. O Sul receberá 11.613 bolsas, o Norte 7.572, e o Centro-Oeste 7.107. “Esses investimentos demostram o efetivo compromisso da CAPES como a educação básica brasileira e com qualidade da formação não só de professores, mas também de crianças e jovens que serão agentes de desenvolvimento do nosso País”, destaca Cláudia Queda de Toledo, presidente da CAPES. “Continuaremos atuando para propiciar um maior investimento e a correção das assimetrias regionais e educacionais do nosso País”, acrescenta.

A duração do benefício é de até 18 meses. Podem participar instituições públicas, privadas e comunitárias, que devem apresentar, no máximo, uma proposta para cada programa, com detalhamento das ações e atividades previstas. As inscrições são feitas pelo Sicapes.

O resultado com a relação dos projetos selecionados nos dois programas está previsto para ser publicado em 5 de agosto. Em seguida, iniciam-se as atividades e as concessões de bolsas. As diretrizes dos editais do Pibid e Residência Pedagógica foram discutidas pelo público de interesse dos programas em seminário promovido pela CAPES nos dias 8 e 9 de março deste ano.

Legenda das imagens:
Banner e imagem dentro da matéria: Imagem ilustrativa (Foto: Divulgação)

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) é um órgão vinculado ao Ministério da Educação (MEC).


MEC divulga datas de inscrição para Prouni, Fies e Sisu de 2023; confira calendários

29/11/2022 12:38

IV Conferência Nacional de Educação - CONAE 2022 - Inclusão, Equidade e Qualidade: compromisso com o futuro da educação brasileira

29/11/2022 12:24

Pós-Graduação: Presidente da CAPES nomeia os coordenadores das 49 áreas de avaliação

29/11/2022 12:02

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOVIDADES

Artigos, notícias e informativos sobre legislação da área da educação



CONTATO

SEPN 516 Norte, Bloco D, Lote 9,

Edifício Via Universitas, 4° andar

CEP 70.770-524 - Brasília - DF

Entrada pela via W2

(61) 3349.3300

(61) 3347.4951

(61) 3030.2200

(61) 9.9370.3311

abruc@abruc.org.br

REDES SOCIAIS

COPYRIGHT © 2018 ABRUC. A ABRUC não é responsável pelo conteúdo de sites externos.